-->

Pastoral do Empreendedor escolhe Coordenação Nacional

No dia 02.11.2017, no Salão Dehon da Paróquia São Judas Tadeu, em São Paulo, foi escolhida a primeira coordenação nacional da Pastoral do Empreendedor.

Coordenador: Ricardo Vencato (Salvador)
Vice-Coordenador: Daniel Godri (Curitiba)
Secretário: Edson Gatto (São José do Rio Preto)
Tesouraria/planejamento estratégico: Isabel (São Paulo) e Gilberto (Vitória)
Comunicação: Iracema (Curitiba), Patrícia (São Paulo) e Cyrille (França-São Paulo)

O diretor espiritual nacional será o Frei Rogério Soares, assessorado pelo Pe. Joãozinho,scj.

Com a presença de 30 representantes o dia foi intenso. Após a oração inicial, elaborada pelo núcleo de São José do Rio Preto, Frei Rogério, Superior Provincial da Ordem Mercedária no Brasil, fez a memória dos últimos dez anos. Recordou que Salvador foi o ponto de início desta nova pastoral que incendeia o país reunindo empreendedores dispostos a unir as duas partes do pai-nosso. A Igreja em saída quer acolher empreendedores e empreendedoras que muitas vezes se sentem ovelhas sem pastor.

Ao final Frei Rogério leu a belíssima mensagem de Dom Murilo Krieger (Arcebispo primaz do Brasil em São Salvador da Bahia). Suas palavras ficaram ecoando nos corações como uma espécie de mandato missionário: “Ser uma presença de Jesus Cristo, Bom Pastor, no mundo dos empreendedores”. Isto define exatamente o perfil e o propósito da Pastoral do Empreendedor.

Em seguida Padre Joãozinho mediou os debates. Era necessário esclarecer o perfil da pastoral do empreendedor. Cada um pode relatar a sua própria experiência e colocar em comum os caminhos traçados e as soluções encontradas.

Foi identificada uma ameaça: institucionalizar demais ou crescer de modo desordenado, espontâneo e indefinido. Alguém sugeriu que deveríamos, então, definir primeiro o que a pastoral do empreendedor não é! Este desafio foi enfrentado na parte da tarde em grupos que depois socializaram suas conclusões que serão oportunamente publicadas em um memorando detalhado.

Em seguida o grupo dedicou-se à escolha da primeira coordenação nacional. Era sensível a ação do Espírito Santo conduzindo cada momento daquele dia.

Padre Sérgio, reitor do santuário São Judas, no final surpreendeu a todos abrindo um espaço que não estava previsto na agenda  para missa na tradicional Igreja Antiga de São Judas Tadeu em Comemoração por Todos os fiéis Defuntos. Momento inesquecível e transmitido pela Rádio 9 de Julho. Todos saíram com uma forte sensação de “missão cumprida”.